Marcela Pontes

Antes casadoura, agora casamenteira. Antes senhorita, agora senhora. Um dia mãe. Esposa para sempre. Eterna noiva. Desde criança apaixonada por casamentos, festas e pelas coisas lindas
da vida.

Parceria

  • Aware
  • TOCA CONVITES

Arquivo do blog

Alguns Blogs

sexta-feira :: 11 abril, 2014

Vamos começar o dia com um ensaio lindo e diferente?

As estrelas são Marcela e Daniel,  meus noivos que vão casar agora no final do mês.

A origem e história desse ensaio conto depois do casamento deles.

Por enquanto, fiquem com o lindo trabalho da Camila Guimarães e os noivos lindões, que parecem modelos profissionais nessas fotos  :-D

Marcelinha, imprima muitas fotos desse ensaio e espalhe por toda a casa!!!

Vamos lá:

 

 

Lindos né?

Por hoje é só, minha gente!

Beijocas

Marcela Pontes

segunda-feira :: 20 janeiro, 2014

Bom gente, milagres de 2014 estão acontecendo! hahaah

Em menos de 1 semana dois posts!

O post de hoje é receitinha!Pra você, noiva ou recém-casada, que não sabe fritar um ovo, nem tudo está perdido!

Antes de casar, eu pouco cozinhava. Na verdade, até uns 2 anos antes de casar eu não sabia fazer nem arroz #prontofalei hahaha. Só que com o noivado, fui me interessando por cozinha, mas mesmo assim fazia um prato ou outro super de vez em quando. E tinha muita insegurança quando fazia qualquer coisa.

Até que com o casamento me empolguei mais e fui testando vária receitas. O que dá gosto é que, até agora, tenho tido aprovação do marido em todos os ‘quitutes’ feitos  e isso me estimula ainda mais.Coitado, ele é a minha cobaia hahaha

Descobri que pra cozinhar não tem mistério: é só ir provando ao longo do processo. Assim, não tem como a comida ir pra mesa sem sal, sem tempero. É óbvio que algumas vezes vai com uma aparência não muito bonita, mas nem tudo é perfeito rsrsrs.

E cozinhar também tem muito do feeling da pessoa. Eu quase nunca sigo uma receita à risca. Tenho uma ‘hortinha’ com temperos na minha casa. Então, à medida que vou fazendo a comida, vou jogando tudo que tenho na panela. Me descobri uma pessoa apaixonada por temperos!

Bom, essa introdução toda pra dizer que ontem (domingo) tinha uns 500 g de camarão no congelador e não sabia muito bem o que iria fazer com ele. Fritar ou fazer risoto não era bem o que queria, porque sempre faço um dos dois. Então, resolvi fazer uma mistureba que tinha tudo pra dar errado, mas no final deu certo e ficou de comer rezando!!

Como disse antes, fui jogando as coisas na hora e não sei ao certo as medidas precisas do que usei. Então, vou colocar aqui uma aproximação e vocês vão provando pra ficar do gosto de vocês.Vamos lá:

Ingredientes

1. 5 colheres de sopa de azeite

2. 2 cebolas picadas

3. 4 dentes de  alho picados

4. 500 g de camarão

5. 2 tomates picados

6. 2 xícaras de molho de tomate (eu fiz o natural. Uma amiga minha que me ensinou a fazer: é só bater o tomate no mixer, coar e temperar a gosto)

7. 1 garrafinha (daquelas pequenas) de leite de côco

8. 200 g de cream cheese

9. 1 xícara de vinho branco

10. Muito coentro (fiz aloka e saí jogando muitas folhinhas rsrs)

11. Muita cebolinha (mesma coisa, enchi de cebolinha)

12. Sal e pimenta do reino  a gosto

13. 4 colheres de sopa de queijo parmesão ralado

Modo de Preparo

Preparei o camarão antes colocando-o numa tigela com água fria e um pouco de limão. Deixei lá de molho e depois joguei numa panela com água fervendo. Tirei quando começou a ficar rosa.

1. Primeiro refoguei o alho e a cebola

2.Em seguida, coloquei o tomate, o molho de tomate e os temperos. Dei uma mexida e coloquei o leite de côco. Fui adicionando o sal e a pimenta e provando. Adicionei um pouco mais de azeite também.

3.Quando a mistura ficou bem homogênea, joguei os camarões e tampei a panela, mas nunca deixava muito tempo, sempre mexia. Acrescentei o queijo parmesão.Quando o camarão pegou o sabor do molho, apaguei o fogo.

4. Passei tudo para uma panela de cerâmica. Coloquei metade do cream cheese e mexi bem.

5. Depois, joguei o vinho e a outra parte do cream cheese, mexi e coloquei no forno pré-aquecido (uns 240 graus, mais ou menos).

6. Quando fez uma ‘crostinha’ em cima tirei do forno

Servi com arroz branco e pra acompanhar um espumante geladinho!

 

Por hoje é só!

Beijocas

Marcela Pontes

quinta-feira :: 16 janeiro, 2014

Oi, gente!

Como estão todas?

Aproveito pra desejar um 2014 lindo e maravilhoso a todos! Tenho aparecido lá no facebook (facebook.com/nosdoisnoaltar) e no instagram (@pontescela). Como as postagens são mais rápidas e práticas, acabo deixando esse cantinho de lado, mas não vou abandoná-lo JAMAIS. Afinal, foi aqui o início de tudo né? Pra quem não me acompanha desde o início e quer saber um pouco mais de mim, é só ler AQUI , AQUI e AQUI .

Bom, mas vamos ao tema do post de hoje? Quem aí vai casar no verão? Casar no verão é sinônimo de dias lindos, ensolarados, possibilidade de fazer cerimônia ao ar livre e fotos incríveis né? É, mas vocês não podem esquecer de outras coisinhas e detalhes importantes que podem fazer o sucesso ou fracasso do seu casamento.

O sucesso de uma festa de casamento deve-se basicamente a: boa organização (meu trabalho!), boa comida e bebida gelada (cuidado com o buffet!), boa música e conforto dos convidados, que de uma certa forma envolve também o primeiro e o segundo itens.

E aí pensem o seguinte: no calor africano que faz de dezembro a início de março no Brasil, ninguém fica confortável ao ar livre. Tomando por base o verão 2014, vocês vão concordar comigo,não?

Moro no Rio de Janeiro e neste mês simplesmente SOFRO pra ficar na rua, fora de um lugar com ar condicionado. Acho que todo mundo está nessa né? Agora, imaginem um casamento ao ar livre com cerimônia e festa sob esse sol?! Provavelmente, os convidados não aguentarão ficar até a metade da festa. Pode ter gente até que passe mal.

Pra evitar essas situações e a festa ser um sucesso, com alguns cuidadinhos qualquer um pode casar nos meses mais quentes. Vamos lá:

HORÁRIO DO CASAMENTO

Em janeiro aqui no RJ todos os horários são quentes, mas em alguns momentos do dia, o calor fica menos pior. O ideal é que os casamentos sejam feitos na parte da noite em locais fechados e com um ar condicionado bem potente, mas pra quem não abre mão de uma cerimônia ao ar livre e diurna, procure fazer no fim da tarde. De manhã nem pensar, porque inevitavelmente a festa vai acontecer no pior horário (12/13 horas). Ah! Não esqueçam que em alguns lugares tem horário de verão. Então casamento às 16 horas é o sol das 15 horas. O ideal para esses lugares é que o casamento seja marcado para a partir das 17 horas.

LOCAL COM SOMBRA

Se for inevitável fazer o casamento mais cedo e a noiva não abrir mão de ser ao ar livre, procure um local que tenha sombra. Nem que seja sob a copa de uma árvore. Acho um charme! Se o local for um campo aberto e você quiser contratar toldo, cuidado porque alguns materiais tornam a sensação de calor ainda pior.

TOLDO OU PLANO B

Falando em toldo, acho ele ou um plano B (como um lugar coberto) imprescindíveis em qualquer estação, principalmente no verão. É a estação que tem o maior índice de chuvas e você não vai querer arriscar certo? Então na hora de contratar a casa de festas, veja se há um espaço coberto que seja uma alternativa caso chova no dia do casamento. Ou então contrate um toldo. Para melhorar o calor, se possível contrate pelo menos climatizadores.

MIMOS PARA CONVIDADOS

Ok, você vai fazer um casamento às 10 da manhã e não abre mão disso. Então, vamos pensar nos convidados. Você pode disponiblizar sombrinhas, chapéus e leques nas cadeiras da cerimônia ou colocar esses objetos num ponto fixo. Legal também colocar protetor solar no kit banheiro ou em algum ponto também. E que tal preparar um kit para os convidados receberem na entrada?

Disponiblizar óculos escuros coloridos para os padrinhos é bem bacana! E as fotos vão ficar bem divertidas!

SERVIÇO ANTES DA CERIMÔNIA

Combine com o buffet de servir água e sucos enquanto os convidados esperam a cerimônia. Águas aromatizadas já não são mais novidade, mas fazem sucesso também e refrescarão o pessoal.Não é questão de luxo, mas de saúde. Com as altas temperaturas, alguém pode passar mal. Então os convidados devem se hidratar bastante.

VESTIDO

Como sempre digo, noiva pode quase tudo. Sei que os sonhos das noivas às vezes podem ser conflitantes, como por exemplo, um vestidão enorme de princesa e um casamento diurno ao ar livre em janeiro. A chance da noiva passar mal é enorme. Não é questão de gafe, de fazer errado, de casar com o vestido inapropriado. É questão de saúde e conforto. A noiva já fica nervosa por si só no dia do casamento. Imagina com 8 kgs de vestido sob um sol de 40 graus e sensação térmica de 50? :-O  Por isso, escolha um vestido bem confortável.

 

 É isso, minha gente!

Com esses cuidadinhos, o casamento mesmo sendo na estação mais quente vai arrasar!

Beijocas

Marcela Pontes

segunda-feira :: 23 dezembro, 2013

Para dar uma ajudinha a todo vocês e ninguém perder os resultados conquistados com a desculpa de que é final de ano, preparei uma lista de dicas e conselhos para ninguém enfiar o pé na jaca durante as festas.

  • Vale lembrar que no Natal são dois dias, ou melhor, duas refeições comemorativas: A ceia e o almoço do dia 25. Muita gente se perde nesse período porque abusa durante todo o mês de dezembro com a desculpa de que esse é um período de festas. Nosso organismo lida bem com um aumento no consumo durante esses dois dias, e dificilmente teremos ganho de peso expressivo se o abuso se limitar a esses dias.

  • Fique atento aos aperitivos servidos antes da refeição. Sirva aperitivos mais leves como: vegetais com molho de iogurte, espeto de frutas, pastinha de grão de bico, etc. Tenho certeza que sua família vai apreciar!

  • Asse ou grelhe os alimentos ao invés de fritar. Dessa forma você terá alimentos mais saudáveis e menos calóricos.

  • O peru é a carne mais magra normalmente servida nessa época. Se puder opte por ele e sem a pele.

  • Tenha sempre uma salada bonita e bem caprichada na ceia. Inicie a refeição por ela.

  • Coma até ficar satisfeito. Mastigue bem todos os alimentos e coma devagar.

  • Nada de ficar sem comer durante todo dia para “poupar” calorias para a ceia/festa a noite. Mantenha sua alimentação habitual no restante do dia.

  • No dia seguinte o suco verde é uma excelente opção de café da manhã. Ele é rico em nutrientes e ajuda a desintoxicar.

  • Não se esqueça de beber muita água durante esse período.

  • Para os que gostam de bebida alcoólica, lembrem-se de ter moderação no consumo e sempre alternar a bebida com água. É importante mantermos o corpo hidratado, ninguém quer acordar de ressaca no dia seguinte não é verdade?

  • O vinho é uma das melhores opções de bebida alcoólica, fuja dos coquetéis preparados com destilados e açúcar. Aqui a palavra de ordem é moderação.

  • Evite ficar conversando muito tempo sentado a mesa. Isso evita que belisquemos desnecessariamente.

  • Esse período de festas não significa férias das atividades físicas. Continue fazendo seus exercícios regularmente.

  • Não abuse na comida acreditando que vai “queimar” tudo depois na academia. 70% do seu sucesso está relacionado a alimentação.

  • Lembre-se que o significado real dessas festas é estarmos junto de nossas famílias e amigos. A comida faz parte da celebração, mas não é o principal.

Um Feliz Natal e um Ano Novo repleto de realizações.

 

 

 

 

 

Bruna Pires

quinta-feira :: 28 novembro, 2013

Nesses anos no mundo casamenteiro já vi muita coisa. Pedidos de casamento super criativos, casamentos pelos ares, no fundo do mar, no meio do mato… mas casamento SURPRESA nunca tinha ouvido falar. É isso mesmo: casamento SURPRESA, onde o noivo não sabia que ia casar.

Conheci essa louca e doce história no atelier da maquiadora e designer de sobrancelha Eliz Faustino, aqui no Rio de Janeiro. A própria preparou um casamento surpresa pro marido (marido porque eles já eram casados no civil).

Dá pra imaginar, minha gente? Preparar TODO o casamento:escolher local, decoração, igreja, vestido de noiva, celebrante, foto, filmagem, disparar convite pra todos os amigos e parentes e tudo isso AINDA MORANDO COM O NOIVO? Já é difícil preparar surpresa morando em casas separadas, imagina morando na mesma casa que o destinatário da surpresa?! E detalhe: a Eliz fez TUDO conforme manda o figurino e realizou todos os desejos a que toda noiva tem direito: teve hotel para making of (sendo que ela própria que se maquiou. Afinal, ela é maquiadora), madrinhas com a mesma cor de vestido, vestido de noiva, grinalda, parentes de fora da cidade vindo só para o casamento…

Agora vocês vão me perguntar: como o marido apareceu todo arrumado na igreja e sabia que tinha que ir para lá? Fácil! A Eliz, contando com a  ajuda da família e amigos, contou pro marido que o dia do casamento seria o dia da comemoração de bodas dos pais dele. Pronto! Assim ele teria que se arrumar e ir para a igreja de qualquer forma.

O surreal disso tudo foi que ele entrou no cortejo NORMALMENTE achando que eram as bodas dos pais. Já no ALTAR, descobriu que ele iria casar!! No altar, minha gente! hahaha

Bom, agora vou deixar vocês com o relato e as fotos enviadas pela Eliz, que pode contar essa história melhor que eu:

‘Já somos casados há 21 anos, porém , na época em que casamos no civil éramos jovens e eu com personalidade muito forte troquei meu vestido que era simples, mas era branco por um Preto…rssss…coisa de gente rebelde, então os anos se passaram e sempre q meu marido via um vestido de noiva me dizia que eu ficaria linda com ele, enfim, eu dizia q nunca pagaria esse mico…hahaha. Foi então q minha sogra resolveu me pedir para casar no religioso e eu, louca, aceitei…detalhe: seria um casamento surpresa, o noivo só saberia no momento. Foi o que aconteceu: consegui reunir amigos e familiares em uma linda cerimonia religiosa no dia 14 de setembro de 2013, foi uma Super emoção, a igreja toda chorava, foi lindo, inesquecível!!!’

O noivo assim que descobriu que estava ali pra casar

Nem precisa de legenda né? Foto linda!

Bacana a história né, meninas?

E a você, Eliz, só posso dar os parabéns! Não só pela preparação desse momento tão especial, mas pelo amor tão lindo e incondicional que levou você a tudo isso. Que Deus te abençoe sempre! A você e à sua família. Beijo grande!

E , meninas, por hoje é só!

Beijocas

Marcela Pontes

quinta-feira :: 24 outubro, 2013
tags: Noivas, Vestido

Oi, gente!

Acho que nem vou mais falar nada sobre o sumiço né? rsrsrs E também, não sumi por completo. Estou diariamente lá na fan page!

Estou com alguns trabalhos meus pra postar aqui. Sei que estou atrasada, mas já já posto.

Bom, vamos ao post: fiz uma seleção de vestidos paras as noivinhas românticas se inspirarem.

Espero que gostem.

Vamos lá…

 

Por hoje é só!

Beijocas!

Marcela Pontes

quarta-feira :: 18 setembro, 2013

Noivinhas que estão lendo esse post, vou começar fazendo um apelo a vocês: Comam no dia do casamento.

Sei que a ansiedade e a adrenalina estão nas alturas nesse dia. Já fui noiva e sei muito bem que a fome é zero e que a gente pode ver nosso prato favorito na frente que não dá vontade de comer, mas eu IMPLORO DE JOELHOS: COMAM MESMO ASSIM.

E, por favor: não bebam no making of. Se quiser tomar uma tacinha de espumante pra fazer uma graça nas fotos, ok, mas prometam que será só uma? Vocês terão a festa toda pra beber (com moderação, é claro!rs)

Se ficarem sem comer o risco de passar mal será grande. Se ingerirem bebida alcoólica então será uma tragédia! Vocês investiram dinheiro, expectativas, energia, sonhos e mais um milhão de coisas para correr o risco de estragarem o grande dia passando mal? Não pode.

Isso pode ser evitado com medidas simples. A principal delas é: COMER.

Acho que minha experiência como noiva pode ajudar vocês, porque não adianta: para noiva opinião de noiva é o que mais importa né? rs

Fui uma noiva que aproveitou MUITO cada segundo do casamento. Aproveitei intensamente os preparativos, fiz amigas noivas, encontrava com elas, ia a eventos, cuidei de cada detalhe. Quando chegou o grande dia, eu coloquei na minha cabeça: ‘fiquei quase 2 anos preparando esse dia. Vou curtir como se não houvesse amanhã’. E olha: curti MUUUUUUUITO. Dancei da primeira a última música da festa. Foi definitivamente o dia MAIS FELIZ DA MINHA VIDA, por mais clichê que essa frase possa parecer.

Lembro que nos primeiros dias da lua de mel eu tinha dificuldades para andar, tamanha minha dor muscular de tanto dançar e pular na festa.

O marido também aproveitou MUITO, curtiu comigo cada música, cada momento.

E qual foi o segredo disso? Foi planejamento, boa alimentação e confiança no cerimonial. Não tem mistério. Querem ver?

1. No dia do meu casamento tomei um bom café da manhã. Na hora do almoço, já no hotel, pedi um bom prato, com bastante proteína e carboidrato. Era um mega sanduíche de frango acompanhado de muitos legumes e batatas. Na hora do lanche, lá fui eu comer de novo. Pensa que eu estava com vontade? Nada! Mas me obriguei a comer um prato cheio de frutas. Tomei bastante água no dia também. Quando saí do hotel, comi umas 2 ou 3 balas (açúcar né?!).

Não bebi nada de álcool durante o dia. Nadinha. Primeiro porque sou contra casar alcoolizada. Por menos álcool que se beba, é álcool e ponto. Não queria isso pra mim antes de entrar na casa de Deus para o momento mais importante da minha vida. Segundo, pra não passar mal.

Ah! Dei recomendações ao marido também de não beber e se alimentar direitinho. E ele seguiu tudo.

Depois da cerimônia, assim que cheguei na casa de festas  fui para a sala dos noivos. Eu e marido estávamos eufóricos, felizes pra caramba, zero fome, mas comemos MUITO. Comemos umas 2 ou 3 mini porções, vários salgadinhos e tomamos um montão de refrigerante. Tomamos Engov e pronto!

2. Confiei no meu cerimonial e fui curtir minha festa. Simples assim. Um erro que vejo é os noivos  ficarem tensos o tempo todo, supervisionando todos os detalhes. Gente, o cerimonialista serve exatamente pra isso. Portanto, vão curtir a festa e  relaxem! O que tinha que ser feito e planejado, já foi durante meses. O cerimonial está ali justamente para executar o que foi programado durante os preparativos e deixar os anfitriões à vontade pra curtir. Bom, mas isso é assunto pra outro dia.

A intenção desse post é fazer com que vocês noivas atentem para a importância da alimentação no dia do casamento.

Agora uma ressalva: comam coisas LEVES. Não vão comer frituras e alimentos muito pesados, porque o risco de passar mal também é alto né? haha

Espero que levem isso com vocês. Não é frescura. Não é coisa chata de cerimonialista. Nem é coisa da ‘Marcela que acha que sabe tudo de casamento’ rsrs. É só para o bem de vocês. Apenas isso.

Por hoje é só!

Quem quiser saber mais sobre isso ou tiver qualquer dúvida, é só entrar em contato pelo meu e-mail: marcela@nosdoisnoaltar.com.br

Beijocas

Marcela Pontes

quarta-feira :: 11 setembro, 2013

Olha, tenho que confessar: JAMAIS imaginei que escreveria sobre luvas no meu blog. Eu não gosto de luva, nunca gostei e…bom deixa pra lá, que gosto é gosto, sonho é sonho.

Sempre falo pras minhas noivas: é seu sonho? Se for, não importa que achem brega, cafona, over ou algo parecido. Você, noiva, só terá 1 único dia para realizar seu sonho da vida toda. Então se quer colocar luvas, coloque. Se quer chegar à igreja de carruagem ou numa limousine rosa, que chegue. Eu oriento para as tendências e a praxe, mas quando trata-se de sonho é outra coisa e a noiva tem que realizar. Minhas noivas estão de prova que sempre falo isso e evito usar as palavras ‘cafona’ ou ‘brega’. Mentira, noivinhas Marcela Pontes?

É claro que não estou falando de luvas para aquecer, daquelas que você usa quando viaja pra algum lugar frio. Estou falando das luvas de NOIVAS! Sabem? Aquelas que se formos vasculhar o álbum de casamento das nossas mães e avós certamente as encontraremos com luvas (minha mãe e minha avó usaram rsrs).

E minha avó estava especialmente linda no casamento dela. Ela casou em 1964 com luvas até depois do cotovelo rs, mas estava linda.

E aí que estou meio sumida do blog, mas estou sempre postando lá na fan page . Busco fotos e inspirações todos os dias e de uns meses pra cá tenho reparado que tenho visto fotos de MUITAS noivas de luvas. Nas primeiras fotos que vi pensei:’ gente, é sério isso? As luvas estão voltando?’ Só que depois reparei que não é bem assim a história.

O que acontece é: nessa onda quase obsessiva por retrô, as luvas estão voltando nas mãozinhas das noivas. Não com um toque moderno em looks atuais, mas em visuais que remetem na integralidade ao passado. Explique-se: às décadas de 20 a 60, não às décadas de 80/90 com os desastres das luvas de dedinho hahahha.

Pra quem não viveu nessa época e não conhece essa lenda da moda, aqui vai:

E agora vocês estão curiosas para ver os looks atuais com luvas né? Lá vai:

Essa casou de veu curtinho também, super tendência do passado!

E essa de P&B?

 

E aí, meninas? Quem arriscaria um look noiva retrô com direito a luvas?

Por hoje é só!

Beijocas

Marcela Pontes

segunda-feira :: 5 agosto, 2013

As casadas de plantão já devem ter ouvido MUITO essa pergunta e as noivas logo após voltarem da lua-de-mel serão muito perturbadas com isso.

Gente, não sei a razão disso! Vocês entendem essa ansiedade toda das pessoas?

Estamos no ano de 2013 ou 1890?! Que visão antiquada é essa da mulher, do casal, do casamento…?

Casou e obrigatoriamente tem que ter um filho, é isso?

A verdade é que essas perguntas e esse assunto chegam num ponto que sufocam.Sério,fica chato permanecer num lugar em que as pessoas só te questionam sobre isso. Sei que ninguém faz isso por mal e para provocar o mal, mas que é chato, é muito.

Acho tão saudável o casal se curtir um tempinho depois de casados! É saudável e importante. É nos primeiros anos de casamento que se constroi a base da relação. É quando se aparam as arestas da arte da convivência. É quando o casal se adapta a uma nova vida e assume diversas responsabilidades. E isso tudo precisa de tempo. Preferencialmente, só os dois: marido e mulher.

De forma alguma estou criticando ou julgando quem tem filho nos primeiros anos de casamento. Se o casal sentiu-se preparado para isso, ótimo. Só que na maioria das vezes não é assim. O casal quer esperar um tempo, mas a pressão é grande. Pelo menos, pelos relatos que escuto de amigas casadas há pouco tempo, de ex-noivas  já casadas e…tiro por mim também.

Há tantas coisas pra se fazer antes de ter um filho! Tanto trabalho, tantas viagens, festas, noites de sono,  domingos preguiçosos de acordar super tarde…

Não estou dizendo que ao ter um filho, a vida da mulher acaba. Imagina! Também acho tudo que as mães acham: que filho é uma benção, que é alegria, que é a continuação da vida e por aí vai. Só que também é renúncia, é muita responsabilidade, são muitas contas a pagar, é muito cansaço, noites sem dormir, trabalho…

E sinceramente: acho maldade algumas coisas que vejo por aí. Mulheres que tem filhos e não têm o menor comprometimento. Pra que colocaram uma criança no mundo então?! Pelo que me conheço e conheço de todas as mulheres que estão passando pela mesma fase que eu, a questão toda de decidir NÃO ter filho agora é justamente porque TODAS nós somos comprometidas. E já que somos assim, colocando um bebê no mundo, dedicaremos nossa vida a ele.  Só que não é o NOSSO momento de parar, de se entregar, de se doar. Seremos as melhores mães do mundo, mas não agora. O que tem de errado nisso???

Outra coisa: não existe uma regra para mensurar o tempo que um casal tem que ter um filho. Isso é relativo e compete ao casal decidir em comum acordo. Comum ACORDO. Não é legal trazer uma criança ao mundo que não é desejada por um dos dois. Acho lindo quando a gravidez é esperada e desejada por ambos. É muita felicidade! Só que tem que ser uma vontade dos DOIS.

Além disso, tem também as mulheres que simplesmente optaram por NÃO TER FILHO. O que há de errado nisso?!?! Se o marido dela concordou com essa decisão, quem são as pessoas para criticar e julgar?

Colocar um ser humano no mundo é coisa séria, MUITO SÉRIA. É algo que deveria ser (sei que nem sempre é, mas DEVERIA ser) planejado, esperado e MUITO desejado por todos. E quando a vontade da mulher ainda não é engravidar, as pessoas têm que respeitar. Simples assim.

Portanto, mulheres cujo relógio biológico da maternidade ainda não apitou, não cedam à pressão de ninguém. Só tenham o filho de vocês na hora que se sentirem preparadas e prontas para ser mãe. Os futuros filhos agradecem, porque serão criados por mães amorosas, comprometidas e que os farão muito felizes!

Por hoje é só!

Beijocas!

Marcela Pontes

segunda-feira :: 29 julho, 2013

 

Só isso que eu tenho a dizer! :-)

Muito amor pelas minhas noivas <3 <3 <3

Beijocaaaaas

 

Marcela Pontes

Página 1 de 7
© 2011 - 2012 | Nós Dois no Altar - Todos os direitos reservados